Sesi/Senai

O QUE É

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é realizado pelo Ministério da Educação (MEC) do Brasil e é utilizado para avaliar a qualidade do ensino médio no país. Criado em 1998, durante a gestão do ministro da educação Paulo Renato Souza, no governo Fernando Henrique Cardoso, o Exame teve como objetivo avaliar o aprendizado dos alunos do ensino médio em todo o país, para auxiliar o Ministério na elaboração de políticas pontuais e estruturais de melhoria do ensino brasileiro, por meio dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) do Ensino Médio e Fundamental, promovendo alterações conforme indicasse o cruzamento de dados e pesquisas nos resultados do Enem.

O Exame teve sua segunda versão iniciada em 2009, com aumento do número de questões e utilização da prova em substituição ao antigo vestibular. O Enem é realizado anualmente, tem duração de dois dias, contém 180 questões objetivas (divididas em quatro áreas do conhecimento) e uma redação.

As provas são constituídas de itens interdisciplinares, contextualizados e organizados em situações-problema, sendo o conteúdo das provas definido a partir de matrizes de referência nas quatro áreas do conhecimento, como descrito a seguir:


1. Linguagens, códigos e suas tecnologias, que abrange o conteúdo de Língua Portuguesa (Gramática e Interpretação de Texto), Língua Estrangeira Moderna, Literatura, Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação.

2. Matemática e suas tecnologias.

3. Ciências da Natureza e suas tecnologias, que abrange os conteúdos de Química, Física e Biologia.

4. Ciências Humanas e suas tecnologias, que abrange os conteúdos de Geografia, História, Filosofia, Sociologia e conhecimentos gerais.

Além dos conteúdos citados acima, no segundo dia de prova é cobrado a produção de texto. A redação deverá ser feita em Língua Portuguesa e estruturada na forma de texto em prosa do tipo dissertativo-argumentativo, a partir de um tema de ordem social, científica, cultural ou política.

O resultado do Exame serve para acesso ao ensino superior em universidades públicas brasileiras, através do Sistema de Seleção Unificada (SISU), assim como em algumas universidades públicas portuguesas.

A prova pode ser feita por pessoas com interesse em ganhar bolsa integral ou parcial em universidade particular através do Programa Universidade para Todos (ProUni) ou para obtenção de financiamento por meio do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies).

Desde 2009 o Exame, também, serve como certificação de conclusão do ensino médio em cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA), antigo supletivo, substituindo o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja)

Referência:

Fonte:Exame Nacional do Ensino Médio (adaptado). Acesso em: 19 mar. 2015.

Fonte:Sobre o Enem (adaptado). Acesso em: 20 mar. 2015.

Fonte:Matriz de Referência Acesso em: 20 mar. 2015.